26/06/2015

Jabá

Os vereadores cacoalenses Valdomiro Corá, Paty Paulista, Donizete da Sucam, Pedro Ferrazin , Valter Pires e Mário Angelino Moreira, o Jabá , receberam, cada um, R$ 20 mil em troca do voto para a eleição do presidente da Câmara Municipal. Detalhe: o eleito foi Paty Paulista, que ainda embolsou o dinheiro.
A informação consta da denúncia apresentada à justiça pelo Ministério Público de Rondônia contra dezessete acusados de envolvimento no esquema de corrupção na Prefeitura e Câmara de Cacoal , desmontado pela Operação Detalhe, da Polícia Civil e MP.

Jabazinho

Segundo as informações constantes da denúncia, quem comprou o voto dos vereadores para votar em Paty foi a então secretária chefe de gabinete da Prefeitura, Maria Ivani.
O acordo foi fechado em Brasília, para onde viajaram, juntamente com Maria Ivani, todos os vereadores citados na denúncia.

Jabazão

A então toda poderosa chefe de gabinete da Prefeitura petista tinha um plano mais amplo: ela conseguiu montar um esquema criminoso envolvendo o Executivo e o Legislativo e passou, junto com Paty Paulista, a comandar a Prefeitura e a Câmara, mantendo controle absoluto sobre todos os setores político e administrativo do município. (assessoria MP)

Peia

Deputados que integram a comissão especial da Assembleia Legislativa formada para intermediar o conflito entre trabalhadores rurais e invasores de terra em Machadinho do Oeste foram hostilizados por pessoas que se intitularam dirigentes do Movimento Camponês de Rondônia. Os parlamentares foram até a área invadida na tarde da última quinta-feira (25), encontraram a porteira fechada com cadeado e foram impedidos de entrar para tomar depoimentos.

Curta! a Clube no Facebook

Clipe da Semana na CLube

Naiara Azevedo Ft. Maiara e Maraisa - 50 Reais

Deixe o seu Recado na Clube