18/07/2015

Enrolados

O tesoureiro afastado do PT, João Vaccari Neto, e o ex-diretor de Serviços da Petrobras, Renato Duque, devem ser ouvidos pelo juiz federal Sérgio Moro, nesta sexta-feira (17). Ambos são réus em processos derivados da 10ª fase da Operação Lava Jato, que investiga denúncias de desvio e lavagem de dinheiro da Petrobras. 
Os dois estão presos no Complexo Médico-Penal em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.

Denunciados 

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou 27 pessoas por corrupção lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. Além de Duque e Vaccari, também respondem por esses crimes o doleiro Alberto Youssef, o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e o engenheiro Pedro José Barusco Filho. (G1) 

Vazamento 

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, informou nesta quinta-feira (16) que a Polícia Federal abriu inquérito para apurar a origem dos vazamentos dos depoimentos dados pelo empresário Ricardo Pessoa, da UTC, dentro do acordo de delação premiada na Operação Lava Jato assinado com o Ministério Público Federal (MPF). Pessoa, que é apontado como chefe do cartel formado por construtoras que combinavam entre si preços de licitações da Petrobras, está preso em regime domiciliar. (Portal R7)

Curta! a Clube no Facebook

Clipe da Semana na CLube

Naiara Azevedo Ft. Maiara e Maraisa - 50 Reais

Deixe o seu Recado na Clube