03/12/2015

Cadastro 

A atualização cadastral dos servidores do estado de Rondônia – efetivos e comissionados – encerrou nesta sexta-feira (20). A meta do governo era recadastrar cerca de 55 mil servidores. Até quinta-feira, véspera do encerramento, 48.631 haviam regularizado a situação. O recadastramento teve início em maio e por várias vezes já foi prorrogado e não será dado novo prazo.

Cadastro II

A partir desta segunda-feira (23), com o envio das informações pelo Banco do Brasil, que em parceria com o governo atendeu aos servidores, a Segep e os demais órgãos envolvidos vão apurar a lista dos faltantes, que deverá ser publicada possivelmente até sexta-feira, no Diário Oficial. A atualização cadastral inclui os servidores inativos, que estão vinculados ao Iperon, bem como os pensionistas.
Roubo

Pelo menos quatro criminosos participaram de um roubo na agência dos Correios na Avenida Presidente Dutra com 7 de Setembro, no centro de Porto Velho, na madrugada deste sábado. O bando invadiu o local, explodiu um caixa eletrônico do Banco do Brasil e levou todo o dinheiro. De acordo com informações da Polícia, os criminosos chegaram ao local em um veículo cor prata. Eles invadiram o posto de atendimento e sem dificuldades colocaram dinamite no caixa eletrônico. Após a explosão o bando fugiu com o dinheiro e apesar de várias diligências, a PM não localizou suspeitos. A agência ficou parcialmente destruída.

 Indígenas... 

Indígenas de Cacoal denunciam e estão revoltados com o Distrito Sanitário Especial Indígena, o DISSEI, que recebe todo recurso federal e deveria destinar para a saúde indígena.

...denunciam

Porém os índios denunciam que esses recursos não estão sendo repassados e as aldeias estão sem médicos, remédios ou assistência alguma.

Eles se reuniram na semana com lideranças do Mato Grosso e Rondônia e querem retirar a coordenadora do DISSEI, Alda da Silva Uchoa, que está na coordenação há 15 anos. Os índios denunciam ainda nepotismo e estão fazendo hoje um abaixo-assinado para ir a Brasília pedir a saída da coordenadora. os índios dizem que estão morrendo à míngua. (Notas Roni Viana) 

Crime 

Mais um homicídio na manhã de hoje em Ministro Andreazza aumenta as estatísticas da violência na região. o homem, identificado como Alcineu Pereira Costa, foi morto a tiros em uma linha rural e não teve chances de se defender. segundos os policiais que atenderam a ocorrência, ele foi alvejado ainda quando estava em sua moto e os tiros atingiram as costas e rosto. (Roni Viana)


Curta! a Clube no Facebook

Clipe da Semana na CLube

Naiara Azevedo Ft. Maiara e Maraisa - 50 Reais

Deixe o seu Recado na Clube