28/06/2016

NACIONAL: Peritos designados pela Comissão Processante de Impeachment do Senado concluíram que três dos quatro decretos de crédito suplementar assinados pela presidenta afastada Dilma Rousseff eram irregulares, por terem sido editados sem aval do Congresso Nacional, e tiveram impacto negativo no cumprimento da meta fiscal. No entanto, de acordo com laudo pericial, não foram identificados atos da presidenta afastada que tenham contribuído, direta ou indiretamente, para os atrasos nos pagamentos aos bancos públicos, chamados pedaladas fiscais. A edição dos decretos com crédito suplementar e os atrasos nos pagamentos embasam o processo de impeachment de Dilma, que levou ao afastamento dela da Presidência da República. 
 
REGIONAL: A negociação feita pelo presidente Michel Temer com governadores de mais de vinte estados na semana passada  resultando no alongamento por mais de vinte anos das dívidas públicas com a União, e a possibilidade de mudança de indexador utilizado para medir a inflação, beneficiam Rondônia. A secretaria estadual de finanças de Rondônia explica que, pelo acordo com a União, de julho a dezembro deste ano os estados deixarão de pagar parcelas de suas dívidas, aliviando o caixa das unidades federativas, que sofreram redução de receitas. Essa carência, resultante da repactuação, importa em economia de R$ 290 milhões, mas essa quantia não desembolsada passará a compor o principal da dívida.

Abraços, 

Jarmênio Campos 
DRT 0000777/MS 

(69) 3441 4326
(69) 9385-0560 
(67) 9942 8433 WhatsApp 

Curta! a Clube no Facebook

Clipe da Semana na CLube

Naiara Azevedo Ft. Maiara e Maraisa - 50 Reais

Deixe o seu Recado na Clube