17/08/2016

OURO PARA O BRASIL: Thiago Braz rompeu a barreira dos seis metros, desbancou o favorito Renaud Lavillenie e sagrou-se campeão olímpico do salto com vara. Foi uma noite para não esquecer jamais.

PRATA PARA O BRASIL NA CANOAGEM: Sebastian Brendel, da Alemanha ficou com a medalha de ouro, o brasileiro Isaquias Queirós cruzou os 1000m da raia da Lagoa Rodrigo de Freitas na 2ª colocação para escrever seu nome no livro de ouro do esporte. A medalha de prata, primeira do Brasil na modalidade em uma Olimpíada, confirma o destino do canoísta. Nascido onde quem não rema não vive, Isaquias tornou-se, nesta terça-feira, imortal.


Após a conquista da prata, Isaquias ainda tem chance de conquistar mais duas medalhas na Olimpíada do Rio. O brasileiro disputará as provas do C1 200m, da qual é o atual bicampeão mundial, e do C1 500m.

VOLEI, ESTAMOS DENTRO: A seleção brasileira olímpica de vôlei masculino ganhou na noite de ontem da França por 3 sets a 1 e em um jogo dos mais emocionantes da olimpíada avançou na competição. Agora teremos pela frente os Hermanos em um jogo de clássico mundial não só no futebol, mas agora também no vôlei, entre Brasil e Argentina.

BASQUETE MASCULINO ESTA FORA: Fim da linha nos Jogos Olímpicos para a seleção brasileira masculina de basquete. Apesar de ter vencido a Nigéria na última rodada da fase classificatória, o time de Rubén Magnano viu a Argentina ser derrotada pela Espanha, resultado que o coloca fora da Rio 2016. A eliminação na primeira fase da competição tem um significado mais impactante e profundo do que a frustração por um desempenho ruim numa Olimpíada jogada em casa. Representa a despedida de vários integrantes de uma geração que não conseguiu repetir pelo Brasil o sucesso que conquistou em equipes importantes da Europa e dos Estados Unidos. 

Jarmênio Campos 
DRT 0000777/MS 
Jornalismo Clube FM 90.3 

Curta! a Clube no Facebook

Clipe da Semana na CLube

Naiara Azevedo Ft. Maiara e Maraisa - 50 Reais

Deixe o seu Recado na Clube